Reservar
PT · EN

Olissippo News

Artigos
|
28 set 2021

LISBOA VISTA ATRAVÉS DO CINEMA


Lisboa já provou ser uma cidade popular não só no turismo, mas também entre cineastas de todo o mundo. Com as suas colinas, a sua luz inconfundível, a diversidade de ambientes e arquiteturas, o colorido, os seus bairros típicos e tanta história a cada esquina, Lisboa é uma cidade cinematográfica com muitos e bons exemplos da relação da cidade com a sétima arte, que de seguida vamos explorar.


 


Lisboa, de Ray Milland  
Um policial protagonizado por Maureen O’Hara levou às telas de todo o mundo, nos anos 50, locais icónicos da cidade e arredores, entre os quais a Torre de Belém, a Praça do Comércio, o Castelo de São Jorge, o Mosteiro dos Jerónimos, o Palácio de Seteais e Cascais. Levou o fado também, pela voz de Anita Guerreiro, em primeiro plano numa das cenas do filme. 



Angústia, de François Truffaut 
François Truffaut, mestre do cinema europeu, nome cimeiro da Nova Vaga Francesa, veio à capital portuguesa em 1964 para filmar algumas sequências do seu drama amoroso. 



007, ao serviço de sua majestade, de Peter Hunt 
James Bond, o espião mais famoso de sempre, esteve hospedado no Hotel Palácio do Estoril em 1969. Foi lá que se filmaram algumas cenas do filme, que passou também pela praia do Guincho e pelo Casino Estoril.  O filme mais popular rodado em Lisboa, Ao Serviço de Sua Majestade.

Wim Wenders (um apaixonado pela cidade de Lisboa), filmou a sua ode ao poder do cinema em 1982. O Estado das Coisas, mostra-nos a imponente beleza do mar, na praia grande e a vida boémia no Cais do Sodré dos anos 80. Mais tarde, nos anos 90, Wim Wenders voltou à cidade para um filme que lhe deu ainda maior protagonismo, a começar pelo título: Viagem a Lisboa 



Alain Tanner também ficou, como tantos outros artistas, apaixonado pela luz da cidade. A Cidade Branca, história de amor entre um marinheiro e uma empregada de bar, é disso testemunha. 



E o cinema de espionagem voltou a usar Lisboa como cenário, na adaptação do romance de John LeCarré, A Casa da Rússia, que mostra a baixa lisboeta e o Castelo de São Jorge. 



Perto de Lisboa, Roman Polanski captou Sintra como cenário de um escritor embrenhado no Oculto, em A Nona Porta, com Johnny Depp no papel principal.


Mais recentemente, “Estive em Lisboa e lembrei-me de ti” é uma coprodução Brasil-Portugal, baseada no livro do premiado autor brasileiro Luiz Ruffato que relata as aspirações dos brasileiros que emigram para a capital portuguesa, com isso fazendo uma panorâmica da cidade no presente. 



No “Comboio Nocturno para Lisboa”, o professor suíço Raimund Gregorius (Jeremy Irons) abandona sua vida académica para embarcar numa aventura emocionante que o levará ao coração da cidade de Lisboa. 


John Malkovich gravou integralmente o seu Variações de Casanova, nos palcos do Teatro de São Carlos, no Palácio de Queluz e na biblioteca do Palácio Nacional da Ajuda. 
 
 

Ver Todas

Mais Notícias

Grupo

LISBOA COM CULTURA, A DOIS PASSOS DO SEU HOTEL OLISSIPPO


21/9/2023 • Artigos

Lisboa, é uma metrópole que respira história e tradição, um verda...

Ler Mais
Grupo

ELÉTRICOS DE LISBOA: UMA EXPERIÊNCIA ENCANTADORA PELAS RUAS HISTÓRICAS


30/8/2023 • Artigos

Os elétricos de Lisboa são muito mais do que meros meios de transporte - são s&...

Ler Mais
Grupo

CONHEÇA O OCEANÁRIO: PARA UMA PRÓXIMA VISITA NO PARQUE DAS NAÇÕES


8/8/2023 • Artigos

Os gigantescos aquários do Oceanário de Lisboa são provavelmente o melhor legad...

Ler Mais


Ver +
Melhor Preço Online Garantido